O que saber antes de importar pera e maçã?

Tempo de Leitura: 2 minutos

A pera e maçã, duas frutas comuns de clima temperado, fazem grande sucesso entre os consumidores brasileiros.

Além do sabor delicioso, essas frutas fazem bem à saúde e evitam doenças.

Para se ter ideia, um estudo, realizado pelo Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos com mais de 8 mil pessoas, provou que o consumo de uma maçã diária diminui significativamente o uso de remédios e os casos de doenças, além de aumentar a energia e disposição daqueles que a consomem.

A pera, por sua vez, é recomendada por trazer grandes benefícios para o coração e prevenção de doenças cardíacas.

Certamente essas informações colaboram para tornar essas frutas tão atraentes em nosso país, afinal, combinar paladar e opções saudáveis sempre é ótimo para todos.

Neste post, apresentaremos detalhes sobre a importação desses produtos, uma ação que gera bons negócios e excelente rentabilidade. Leia e confira!

Países exportadores de pera e maçã para o Brasil

A pera e maçã, conforme já mencionado, são tradicionalmente produzidas em países que possuem o clima temperado.

As peras são importadas da:

  • Argentina,
  • Estados Unidos,
  • Uruguai,
  • Chile.

Também na importação das maçãs, a Argentina é nosso principal parceiro, no entanto, consumimos frutas produzidas no Chile e mais recentemente temos recebido esses produtos da Itália e Portugal.

Com isso, apesar de estarmos recebendo essas frutas da América do Norte e Europa, nossos grandes parceiros de negócios estão no Mercosul, com um amplo destaque para a Argentina.

Cuidados essenciais no transporte de frutas frescas e perecíveis

O transporte de pera e maçã precisam receber cuidados especiais, uma vez que são produtos sensíveis e que necessitam de uma cadeia fria desde a sua origem até o local de destino.

Além disso, o manuseio precisa ser realizado com todo o cuidado e os regulamentos estabelecidos precisam ser cumpridos.

O tempo é um dos grandes inimigos das frutas, uma vez que elas se deterioram rapidamente, especialmente quando não estão armazenadas em locais com as temperaturas adequadas.

Isso significa que a pera e maçã necessitam de ambientes apropriados para a viagem, portanto, devem ser transportados em container reefer.

Diante desse quadro, é perfeitamente possível a utilização do modal marítimo para transporte desses produtos.

Como importar pera e maçã?

Os processos envolvendo importação exigem que a empresa interessada esteja devidamente constituída e legalizada, onde no objeto social esteja previsto essa atividade.

Na sequência, será preciso uma habilitação no Sistema Integrado de Comércio Exterior (Siscomex).

Após localizar possíveis fornecedores, é fundamental avaliar as condições da operação, quando todos os documentos exigidos por lei deverão ser apresentados.

No caso da pera e maçã, será exigido a garantia da sanidade vegetal dos produtos, portanto, o exportador deverá providenciar um Certificado Fitossanitário junto às autoridades do seu país.

Para a liberação da mercadoria na alfândega brasileira, serão exigidos os seguintes documentos:

  • conhecimento de embarque,
  • fatura comercial,
  • certificado de origem (nos casos de acordos internacionais),
  • certificado fitossanitário.

Como se observa, o processo exige experiência, domínio sobre o assunto e cuidados especiais, tanto no que se refere a parte burocrática como também no processo logístico que garanta a qualidade da pera e maçã importada para o nosso país.

Portanto, contar com um agente de cargas referência em embarques reefer se torna imprescindível para que os objetivos sejam atingidos.

Contando com uma equipe de especialistas e com grande experiência nesse tipo de operação logística, a RENTALOG se coloca à disposição para compreender a sua demanda e colocar a expertise adquirida durante todos esses anos na busca da melhor solução para as particularidades da sua empresa!

Fontes:

https://www.nih.gov/
https://portalunico.siscomex.gov.br/portal/
https://www.mercosur.int/pt-br/
https://www.gov.br/receitafederal/pt-br/assuntos/aduana-e-comercio-exterior/manuais/subportais-aduana-e-comercio-exterior/importacao

Posts Recentes

Outras Postagens

Pular para o conteúdo